O dia que meu primo me comeu

  • julho 21, 2020
  • 693 views
13 votes

Tudo começou sem querer. Pra começar, eu tenho 19 anos e meu primo 18 anos. Eu morava numa cidade distante e por diversos fatores, resolvi vir morar com A minha tia. Apesar de não termos sido criados juntos, eu e meu primo sempre fomos muito grudados, principalmente nas vezes que eu vinha aqui visitar a família.

Desde que me mudei pra cá, tenho dormido no mesmo quarto que ele, pois tem duas camas lá. De uns tempos pra cá ele tem agido meio diferente. Passa a trocar de roupa na minha frente, ficando até sem roupa às vezes. Foi ali que eu percebi como ele estava “diferente” e ao prestar mais atenção em como a cueca dele fazia um grande volume, senti minha bocetinha molhar. Naquela noite eu me masturbei pensado no meu primo.

Três dias atrás foi seu aniversário e fizemos uma festinha aqui. Eu estava bebendo com o pai dele (que chamo de tio) e ele ficava me olhando, principalmente pra minha bunda, já que eu estava com um short bem curtinho. No fim de tarde o pai dele nos chamou pra dormir na casa dele e nós fomos. Lá bebi um pouco mais e por volta da meia noite o pai dele foi dormir.

Sexo com o priminho

Ficamos na sala e houve um momento em que eu deitei a cabeça no colo dele e comecei a ver pornô no celular. Não demorou e eu senti algo duro. Minha boceta molhou com a ideia de chupar aquela rola que eu tanto desejava. Continuei vendo o vídeo depois de alguns minutos ele disse que ia dormir e perguntou se eu queria ir junto. Falei que sim, claro.

No quarto onde nós iríamos dormir eu fiquei na cama e ele num colchão no chão. Comecei a puxar assunto e perguntei se ele ainda era virgem, ele disse que não, mas que só tinha transado uma vez. Perguntei se ele tinha aprendido a como dar prazer pra uma mulher e ele pediu pra que eu o ensinasse.

Deitei no colchão e comecei a acariciar o pau dele por cima da bermuda. Eu tava louca pra chupar e sentar naquela rola. Pedi pra ele tirar a bermuda e logo vi aquela rola gostosa. Tão rosinha, grande e grossa. Porra, chupei com tanta vontade. Nunca me senti tão feliz por estar mamando meu priminho. Ele gemia bem baixinho e isso só me incentivava mais.

Ele pediu pra me comer e eu sentei com toda vontade que havia em mim. Quiquei rápido e forte, rebolei… Foi tão gostoso! Gozei maravilhosamente bem no pau meu priminho.

Ele pediu pra me comer de quarto, claro que eu deixei. Ele enfiava tão fundo na minha bocetinha, eu só conseguia pensar em como aquilo era bom. Não demorou muito e ele gozou na minha boceta.

Pedi pra ele me chupar e fui guiando seus movimentos. Ele foi tão obediente. Meu priminho pediu pra gozar De novo, mas dessa vez na minha boca. Eu não iria negar, né? Bati punheta nele ao mesmo tempo que fazia um delicioso boquete. Lambendo a cabecinha, chupando aquele pau gostoso. Meu priminho gozou bastante na minha boca e eu engoli tudo.

Desde aquele dia meu priminho quer comer minha bocetinha. Ele disse que aquele foi o melhor presente de aniversário que ele já ganhou.


Ver mais relatos de contos eróticos com fotos

Deixe seu comentário

Meus contos eroticos é o melhor site de relatos eróticos da internet. Sempre com os contos mais picantes e cheios de sensualidade. Aqui tem um acervo de histórias reais sobre sexo, para todos os gostos. Tem contos pornô gay, hétero, fetiche, corno, coroas e muito mais. O meu contos eróticos é atualizado diariamente, trazendo para os leitores, o melhor em conteúdo totalmente grátis para você soltar a imaginação e curtir muito prazer com cada relato real contado aqui. Você pode compartilhar com a gente o seu conto, basta clicar no link e colocar a criatividade em prática, contemplando os leitores com suas experiências sexuais mais safadas.
© 2020 - Contos Eróticos – Contos de Traição, Incesto, Pornô e Sexo

porno - xvideos porno - quadrinhos eroticos - hentai - Xvideos - Xvideo - Xvídeos - Acompanhantes DF - X Videos - Filmes Porno

error: