Recepcionista fodendo camareira

  • março 1, 2022
  • 3.245 views views
4 votes

Olá…  fui recepcionista em um motel e trabalhava na época com uma companheira de serviço, uma camareira moreninha, linda, de 22 aninhos . Sempre nós éramos companheiro um do outro e amigos, ela casada e eu solteiro. Sempre a respeitei de boa pois conheço o marido dela até hoje e nunca pensei em maldades com ela, mas percebi que com o tempo ela começou me instigar mostrando vídeos adultos  e pedindo minha opinião sobre o vídeo e eu com carinho respondia com respeito sobre os vídeos, não pensei em maldades.

O tempo foi passando e começamos a ter conversas sadias mas conversas sobre nossas vidas sexuais. Eu percebi que o marido dela sim é um amor de pessoa pois conheço ele, mas não comparecia com vontade pra fazer sexo com ela só papai e mamãe e aliás nem gostava de fazer sexo oral nela. Conversamos bastante e um dia ela me mostrou um vídeo de um rapaz dotadão mesmo, aí comentei sem maldade – Não tenho tudo isso mas meu pau tem 20 cm. A mulher ficou curiosa e queria porque queria ver uma foto do meu pau.

A partir desse dia eu me lasquei e comecei a ter sonhos eróticos com ela e falava pra ela e ela queria saber até os detalhes. Eu falava pra ela e ela foi justa comigo – Poxa eu sou casada mas já cheguei em casa esses dias e fui bater uma siririca pensando no teu sonho e como você sugava minha buceta no teu sonho. Comecei a dar altos presentes pra ela, eu dava calcinhas pra ela e ainda falava – Vista essa calcinha, dê a buceta pro teu maridão e arregaça ele mas sabendo que fui eu que dei essa calcinha pra você.

Comi minha colega camareira

Começamos a fazer joguinhos malucos e finalmente mostrei uma foto do meu pau, ela gamou e brincou – Acho que me machucaria. Eu falei – Faço o seguinte, só me de a chance de chupar tua bucetinha suadinha, suadinha mesmo no final de nosso expediente e eu ficarei muito feliz.

Ela ficou pensativa e me cortou por dias até pensei – Já era. Mas um dia 5:00 da manhã motel vazio, ela apareceu desenxavida na recepção e mandou a real – Tô toda suadinha igual você pediu, quer me chupar hoje eu deixo você só chupar minha buceta muito suada, só chupar.

Arranquei a legging dela de uniforme e dei de cara com a sua Xana encharcada e suada. Coloquei ela sentada na mesa da recepção afastei a calcinha pro lado sem tirar coisa que eu amo e comecei a brincar com os grandes lábios, puxando e puxando outro. Aquele cheiro azedinho me deixava louco que cheguei a enfiar o nariz na sua buceta, com carinho comecei a fazer massagens nos biquinhos do seio dela e ela se retorcendo de tesão.

Calminho fui descendo e enfiei a língua no seu cuzinho, ela ficou esquisita – Você tá louco. Falei – Calma safada, nunca chuparam teu cuzinho ? Ela disse que nunca alguém tinha chupado e que aquilo era bom demais. Chupei ela por 10 minutos até ela gozar e morrer de vergonha porque liberou um líquido branquinho e ela falou que nunca tinha acontecido com ela então eu tomei e falei – Calma isso é normal pra mulher quando goza.

Eu já fui beijando ela pra finalizar já que ela comentou que era só chupar e deu. Mas ela com carinho foi tirando meu pau da cueca admirando e falando – Puta que pariu seu filho da puta tô com muito tesão e quero ter minha buceta arrombada por esse pauzão. Meu pau duro ela até queria fazer boquete eu não deixei porque não gosto.

Ela continuava sentada na mesa e fui colocando devagarinho e falando – Vou colocar aos poucos. E fui colocando devagar e o melhor sem camisinha, sentir aquela buceta quentinha foi top demais. Enfiei tudo ela começou sentir que batia no útero pensei – Deu, agora parei. Ela endoidou e começou pedir com mais força eu até via ela sentindo dor e eu queria parar mas a doidinha começou arranhar a mim descontando a raiva da dor sentindo no útero mas não deixava eu parar.

Quando vi meu pau já estava todo lambuzado do gozo dela e ela falando loucuras e me xingando – Seu vagabundo comendo mulher casada, tô aqui dando pra ti com dó do meu marido mas com muito tesão que nunca senti na vida. Ela começou a surtar mas gozava horrores mas sentia pena do marido kkkkkkkkk.

Ela estava tão doida que meu deu um tapa na cara de raiva mas me apertava contra ela e dizia – Eu amo meu marido mas estão tão dolorido minha buceta, estou com dor mas tá muito gostoso. Terminei gozando na barriga dela horrores, ela saiu agradecendo muito mas chorando também…. kkkkk

– Seu vagabundo arrombou uma mulher casada, me fez chorar me fez gozar mas foi um tesão.

Chorou horrores, nunca mais tocamos no assunto vê nunca mais comi ela e somos amigos.


Ver mais relatos de contos eróticos com fotos

Deixe seu comentário

Meus contos eroticos é o melhor site de relatos eróticos da internet. Sempre com os contos mais picantes e cheios de sensualidade. Aqui tem um acervo de histórias reais sobre sexo, para todos os gostos. Tem contos pornô gay, hétero, fetiche, corno, coroas e muito mais. O meu contos eróticos é atualizado diariamente, trazendo para os leitores, o melhor em conteúdo totalmente grátis para você soltar a imaginação e curtir muito prazer com cada relato real contado aqui. Você pode compartilhar com a gente o seu conto, basta clicar no link e colocar a criatividade em prática, contemplando os leitores com suas experiências sexuais mais safadas.
© 2022 - CONTOS ERÓTICOS – Contos Eroticos, Sexo e Porno

porno - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - hentai - Filmes Porno - Xvideos - Porno - Porno Gratis - Caiu na net - Buceta