Trepando com a cunhada tesuda

  • junho 7, 2020
  • 5451 views
9 votes

Meu nome é Joel (nome fictício) tenho 44 anos, casado e tenho uma cunhada super divertida. Sempre que estamos juntos, brincamos e falamos besteiras. Besteiras essas que passou a virar a minha cabeça.

Certa vez minha esposa resolveu chamar a irmã para ir ao sítio conosco. Foi a maior tentação que já passei. Estava sentado no sofá da sala e aquela safada ficava passando pra lá e pra cá em minha frente com aquele shortinho que eu conseguia ver pouco de sua bunda, depois pendurou na janela deixando praticamente tudo de fora. Ela sentou no sofá que ficava de frente pra mim. Meu pau já latejava. E ao ver a calcinha dela me deixou louco de tesão.

Nós ficamos a tarde bebendo. Eu não conseguia esquecer tudo que vi. Minha esposa foi se deitar e nós ficamos bebendo. Ela tinha um olhar penetrante. E quando ela se aproximou e mordeu os lábios rsrs

Comi a safada da minha cunhada

Precisava aliviar a tensão e aquela safada segurou no pau e disse que queria fuder comigo. Que estava louca que eu fizesse com ela tudo que eu faço com minha esposa. Eu já estava louco, meu pau latejava, estava tão duro que mal cabia em minha bermuda.

Fomos para perto da baia, ela foi abrindo meu short segurando meu pau e enfiando ele todinho naquela boquinha carnuda. Que delicia de mulher.

Passei o dedo na bucetinha dela, estava escorrendo. Ela gemia e pedia pra enfiar meu cacete. Deixei que ela implorasse bastante.

Deitei ela e enfiei a língua naquela buceta carnuda. Coloquei ela de quatro e fiz ela sentir o que a cachorra de minha mulher sente. Que é um pau grosso no meio das pernas.

Ela gemia feito louca. E meu tesão aumentava cada vez mais. Eu socava com força ela dizia:
-Arromba minha buceta como se você fosse um cavalo e eu a sua égua.

Aquela mulher estava me enlouquecendo. Ela abriu as pernas e pedia pra socar cada vez mais. Eu apertava aqueles peitinhos redondinhos e bombava aquela buceta.

Ela ficou de quatro e abriu a bunda mostrando o que ela queria. Eu comi o cuzinho dela deixei ela toda arrombada. Kkkkk mau conseguia tocar em meu cacete de tanto que ele ardia.

Descemos pra casa e chegando lá minha esposa ainda se encontrava deitada. Mas numa posição que me deixou com vontade de comer aquele rabo também. Tomei um banho e fiquei por ali. A safadinha só dava umas olhadas e sorria. Como se dissesse rsrs enquanto ela dormia nós trepávamos gostoso.

Ela passou a frequentar o nosso sítio. E sempre que tínhamos chance, eu deixava ela satisfeita.


Ver mais relatos de contos eróticos com fotos

6 comentários para “Trepando com a cunhada tesuda

  1. Nanny • 8 de junho de 2020

    Q delicia ! Doida de tesao hj , querendo gozar ….ótimo seu conto!

    • Joaquim • 11 de junho de 2020

      Você deve ser uma gostosa também né, louca pra fuder gostoso

  2. Ro • 9 de junho de 2020

    Que delícia de Cunhada
    Pegaria ela também

  3. Adriana • 15 de junho de 2020

    Só de imaginar gozei

  4. Edson • 16 de junho de 2020

    vamos gozar juntos… eu e você!

  5. Juca • 1 de julho de 2020

    Adoro fuder cunhadas, as que tinha, duas putas de primeira qualidade meti gostoso nelas por vários anos. Mesmo sendo irmãs as bucetas não são iguais

Deixe seu comentário

Meus contos eroticos é o melhor site de relatos eróticos da internet. Sempre com os contos mais picantes e cheios de sensualidade. Aqui tem um acervo de histórias reais sobre sexo, para todos os gostos. Tem contos pornô gay, hétero, fetiche, corno, coroas e muito mais. O meu contos eróticos é atualizado diariamente, trazendo para os leitores, o melhor em conteúdo totalmente grátis para você soltar a imaginação e curtir muito prazer com cada relato real contado aqui. Você pode compartilhar com a gente o seu conto, basta clicar no link e colocar a criatividade em prática, contemplando os leitores com suas experiências sexuais mais safadas.
© 2021 - CONTOS ERÓTICOS – Contos Eroticos, Sexo e Porno (2021)

porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - hentai - X Videos - Filmes Porno

error: