O dia que me pegaram com a boca no trombone

  • outubro 29, 2020
  • 3770 views
3 votes

Boa tarde galera, será Meu primeiro conto.

Essa historia aconteceu quando ainda morava na casa dos meus pais. Sempre fui muito ativa em relação ao sexo, eu e meu Marido (que na época era meu namorado) sempre gostamos de fazer coisas proibidas kkkkk, ou tipo escondidos mais ao mesmo tempo com a sensação e vontade de alguém pegar ou ver oque estávamos fazendo, mais antes de mais nada me chamo Re 25 anos e meu marido Fabrício 27 anos, nomes fictícios.

Sou loira natural, magra, tenho 1,60 mais ou menos, bumbum pernas normais, peitos grandes, me acho bem gostosa. meu marido é moreno bem alto mais de 1,90cm, magro pois ele treina e muitooo gostoso, nos demos muito bem somos muito apaixonados, pois gostamos das mesmas coisas.

Mais vamos lá, nossa historia aconteceu numa sexta feira, tinha chego do trabalho estava cansada, foi tomar banho lavei o cabelo, depilei minhas pernas, minha depilação estava vencida então raspei minha xaninha, como ele gosta deixando um risquinho no meio estilo moicano, (ele fica com um tesão absurdo), depois raspei meu cuzinho pois o Fabrício adora chupar.

Logo terminei e fui ao meu quarto escolhi um das minhas calcinhas fio dental bem bonita e sexy, pois era sexta e eu estava subindo pelas paredes pois queria muito transar.

Enquanto me arrumava pra gente dar uma saidinha jantar para passar o tempo, pois só trasavamos no meu quarto tipo depois da 00:00 pois esperava meus pais irem dormir.

Mas enquanto me arrumava, minha mãe estava na cozinha fazendo o jantar, liguei minha tv, continuei me maquiando e nisso o Fabrício chegou, muito simples, calça jeans, camiseta preta, muito cheiroso do jeito que eu gosto, gosto de homem sem frescura. Ele sentou em minha cama para me esperar terminar de me arrumar, claro ele ficou me olhando e dizendo que estava linda, gostosa e não via a hora de tirar minha roupa para me foder e comer meu cuzinho, pois já fazia dias que eu estava enrolando, ele sabia que adorava dar meu cuzinho, porém eu só dava pra ele as vezes para ele não se acostumar.

Minha mãe e meu pai sabia que eu não era santa, mais não imaginava que transamos em casa e que eu era bem safada desse jeito. Foder em casa nós dava mais tesão pois sabíamos que a qualquer hora alguém poderia, abrir a porta e ver o que agente estava fazendo, éramos tão doidos que algumas vezes esperava minha mãe ir dormir, pois nessa época meu pai viajava a trabalho, e nós íamos até a cozinha pra foder, e até fodia encostada na porta do quarto da minha mãe, éramos doidos kkkkkk

Minha mãe me pegou com a boca no trombone

Mais voltando, nesse dia, quando terminei de me maquiar, era uma média de umas 19:40, minha mãe, pai e minha irmãzinha estavam na cozinha se preparando pra jantar. Por sua vez eu olhei para o pau dele que graças a Deus fui agraciada pois o pau dele tem 22 centímetros. E tive vontade de fazer uma coisa louca, queria fazer um boquete pra ele ali com todo mundo em casa e pior na cozinha, próximo ao meu quarto, ele não quis na hora pois ficou com medo mais fui chegando mais perto, abaixando a calça jeans dele, ai ele não conseguiu se controlar kkkkkkk.

Na hora que abaixei já pulou na minha cara aquela jiroba gostosa. Comecei a chupar o pau dele, as bolas a borrar minha maquiagem pois as vezes me dava ânsia, mais dai só pensava que estava delicioso, ele segurou meu cabelo pra não sujar e ficamos ali por um tempo, por um segundo esqueci de tudo, de jantar, pais irmã e etc. kkkkkkkk só queria chupar e que ele Gozasse.

Mais como nem tudo são rosas, minha cama ficava de frente para a porta do quarto, estava ajoelhada ao lado da cama de costas para a porta e ele em pé olhando para a porta, De repente a porta abre com tudo, lembrando que na minha casa batemos antes e entrar em qualquer lugar, mais nesse dia minha mãe abre com tudo e diz vem jantar vocês dois. Gente foi louca a situação pois por 3 segundo ela olha pra mim que estava com o pau na boca literalmente, eu olho pro Fabrício com cara de socorro, ele olha pra ela com cara que diz fudeu, passou os três segundos, eu me escondi cobrindo meus peitos, ele corre pra subir as calças e ela diz opss kkkk

Ficamos pasmos na hora e disse pra ele, e agora como vamos sair do quarto que cara vou olhar pra minha mãe kkkkkkk

Ele com a cara de pau kkkk. Saiu do quarto, foi a cozinha foi tomar agua, como se nada tivesse acontecido, minha mãe olhou pra ele sem reação. Quando ele voltou ao quarto tranquei a porta e fodemos de vez, ele chupou minha xaninha e cuzinho rosinha, depois fodeu os dois como nunca tinha me fodido antes.

Me arrumei De novo pois borrei a maquiagem, estava suada e ele com a cara com gosto de cu e buceta e saímos pra jantar.

Pra fechar A Noite ele parou na frente de casa com o carro demos uns beijinhos e não aguentei e paguei mais um boquete no carro na frente da minha casa, ele meteu o dedo na minha xaninha me molhei inteira cheguei ao meu orgasmo, nos despedimos e dormi melhor do que nunca naquele dia, e acordei tão leve. ai que delicia
e esse foi nossa primeira historia real. casal normal que adora aventuras. Se vocês gostarem comenta ai que escreveremos mais historias deliciosas que passamos.


Ver mais relatos de contos eróticos com fotos

3 comentários para “O dia que me pegaram com a boca no trombone

  1. Mister • 30 de outubro de 2020

    Nossa, que delícia de conto, fiquei excitado só de ler, mas se eu for pego transando com alguém acho que brocho na hora.

  2. Fabio • 30 de outubro de 2020

    Muito bom esse conto queria eu ter uma chance de fazer algo assim

  3. bio • 31 de outubro de 2020

    curto muito aventuras ,,,adrenalina,,,,
    tenho uma experiência vasta nisso.. muitas situações
    vamos conversar
    xxx

Deixe seu comentário

Meus contos eroticos é o melhor site de relatos eróticos da internet. Sempre com os contos mais picantes e cheios de sensualidade. Aqui tem um acervo de histórias reais sobre sexo, para todos os gostos. Tem contos pornô gay, hétero, fetiche, corno, coroas e muito mais. O meu contos eróticos é atualizado diariamente, trazendo para os leitores, o melhor em conteúdo totalmente grátis para você soltar a imaginação e curtir muito prazer com cada relato real contado aqui. Você pode compartilhar com a gente o seu conto, basta clicar no link e colocar a criatividade em prática, contemplando os leitores com suas experiências sexuais mais safadas.
© 2020 - Contos Eróticos – Contos de Traição, Incesto, Pornô e Sexo

porno - xvideos - contos eroticos - contos eróticos - quadrinhos eroticos - hentai - X Videos - Filmes Porno - Acompanhantes DF

error: